Sisapa instalará mais uma bomba d’água

Intuito é dar conta da demanda, que aumenta durante a temporada   O Sistema de Saneamento de Pedro Afonso (Sisapa) prepara a instalação de uma terceira bomba, para dar conta da demanda de água do município, que aumenta consideravelmente durante a temporada de verão. Segundo o diretor-presidente do Sisapa, Arnaldo Lukach, a instalação irá ocorrer durante a primeira quinzena de julho e junto com outras ações tomadas pela autarquia, deve reduzir a falta de água que ocorre eventualmente.   “Nós buscamos trabalhar de forma preventiva, realizando ações que impeçam a falta d’água. No setor Aeroporto, por exemplo, realizamos o redimensionamento e aumentamos a pressão da bomba, que até então estava com dificuldade de encher o reservatório. E além disso, na primeira quinzena de julho iremos instalar uma terceira bomba, pois foi realizada uma medição recentemente, e constatou-se que o rio está com um desnível de 25 metros, sendo que as bombas atuais não possuem toda essa capacidade de pressão”, explicou Lukach.   Segundo ele, além das ações preventivas, o Sisapa tem procurado resolver com prontidão os problemas repentinos. “No último fim de semana tivemos um incidente com a Energisa, que perfurou um buraco para trocar um poste e acertou a nossa rede. Nós entramos em ação, e em duas horas conseguimos resolver o problema, restabelecendo o fornecimento de água”, exemplifica ele.   Certificado CRQ [caption id="attachment_4885" align="alignleft" width="300"]Certificado de Responsabilidade Técnica emitido pelo CRQ da 12ª região (crédito: Divulgação) Certificado de Responsabilidade Técnica emitido pelo CRQ da 12ª região (crédito: Divulgação)[/caption] Lukach destacou ainda que o Sisapa conta atualmente com um certificado de anotação de função técnica, fornecido pelo Conselho Regional de Química (CRQ) da 12ª região, estabelecendo a técnologa ambiental Cleide Fabiana Quitaiski como responsável técnica pela água produzida no município. “Esse certificado é válido até o fim do ano, e assegura que a água de Pedro Afonso atende a todas as normas, sendo saudável para a população. O Sisapa tem feito a sua parte, mas esperamos que a comunidade se conscientize e economize água, pois em determinadas épocas, o consumo chega a dobrar e até triplicar, sendo difícil de atender”, afirmou Lukach.