Plano qualifica fornecimento de água em Pedro Afonso

  A Prefeitura, por meio do Sisapa (Sistema de Saneamento de Pedro Afonso), está colocando em prática um plano de ação para aperfeiçoar o fornecimento de água aos moradores, visando evitar problemas na prestação do serviço provocados pelo aumento do consumo neste período do ano.   O plano é composto por um conjunto de ações de curto, médio e longo prazo. Num primeiro momento, as medidas estão sendo concentradas na racionalização do uso de equipamentos e sistemas já existentes, numa segunda fase, as ações visarão reduzir vazamentos e outras formas de desperdícios e, por último, os trabalhos serão focados na ampliação da da rede, com a instalação de novas bombas, e aumento da capacidade das adutoras.   Segundo o diretor-presidente do Sisapa, engenheiro Ricardo Sardinha, não está acontecendo interrupção no fornecimento, mas, sim, diminuição da pressão na rede em setores mais elevados da cidade, devido ao aumento do consumo neste período do ano. “Nós estamos fazendo todos os esforços possíveis para dar continuidade na prestação de serviços com qualidade à população”, disse. “Por isso solicitamos a colaboração de todos no sentido de evitar desperdícios, utilizando água somente para o uso humano necessário, principalmente, nas horas do dia com maior consumo”.   Atualmente, o Sisapa distribui cerca de 115 mil litros de água por hora, para uma população estimada de até 13 mil pessoas (11.900 hab. IBGE/2010). Os níveis de fornecimento de água estão dentro dos parâmetros recomendados por organismos internacionais, cerca de 18 mil litros por residência por mês. Para atender aumento do consumo, o órgão planeja duplicar esse volume de vazão para 240 mil litros de água por hora até 2034, com a estimativa de um número de moradores de aproximadamente 26 mil pessoas.   O Sispa programa investir no aprimoramento do sistema como um todo, como a  instalação de mais  quatro bombas, além das duas já em funcionamento, e instalar 900 metros de adutoras de 200 milímetros, que levará água para os setores da região central da cidade, e 600 metros de adutoras de 150 milímetros, que suprirá as necessidades do setor Aeroporto II.   Transtorno   A Sisapa informa que a interrupção no fornecimento de água em regiões a área central da cidade foi causada por problemas no funcionamento em um dos sistemas de bombeamento, por volta das 18 horas desta quarta-feira, 5. O órgão esclarece que os equipamentos estão sendo recuperados e que a prestação do serviço voltará a normalidade ainda durante à tarde desta quinta, 6. O Sisapa pede desculpas pelos transtornos e reafirma seu comprometimento em prestar serviços com qualidade à população pedroafonsina.