Pedro Afonso inicia vacinação contra Covid-19

Com o plano de vacinação definido e estrutura equipada para receber e manter as vacinas, a Prefeitura de Pedro Afonso iniciou na noite desta quarta-feira, 20, a imunização dos profissionais de saúde contra a Covid-19.  

O início da vacinação ocorreu minutos depois que as primeiras doses da vacina, recebida pelo prefeito Joaquim Pinheiro, em Palmas, chegarem à cidade, por volta das 19h. Em um ato simbólico, equipes da Secretaria Municipal de Saúde, acompanhada do prefeito Joaquim Pinheiro, realizaram a vacinação dos primeiros profissionais de saúde. Oito pessoas, entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem e imunização foram vacinados nesta noite. 

 

O médico Carlos Alberto Sales, popular Dr. Carlito, de 72 anos, foi a primeira pessoa na cidade a ser imunizada contra a Covid-19. A escolha levou em consideração o trabalho desenvolvido pelo médico dentro do município e os critérios de prioridades definidos pelo Ministério da Saúde, Governo do Estado do Tocantins e município de Pedro Afonso. 

 

Ao todo 199 doses foram destinadas ao município de Pedro Afonso, sendo elas distribuídas para a comunidade indígena (73 doses), aposentados do Lar dos Idosos (12 doses) e 34% dos profissionais de saúde, como médicos, técnicos da imunização, técnicos de enfermagem e enfermeiros (110 doses).  

 

Ao receber a primeira dose da vacina, Dr. Carlito, um dos médicos com mais tempo de atuação em Pedro Afonso e região, comemorou a vitória da ciência e agradeceu às equipes de saúde pelos esforços em combater a doença nos últimos meses. “Todos nós estávamos ansiosos por este momento. Para mim, enquanto médico, ser o primeiro a receber a vacina é um motivo de orgulho muito grande”, completou. 

 

Já o prefeito de Pedro Afonso, Joaquim Pinheiro, ressaltou o momento histórico para o município e todo o país. “A partir desta vacina serão milhares de vidas salvas não apenas em Pedro Afonso, mas em todo o país.  Com parte da nossa equipe imunizada iremos fortalecer ainda mais nossas ações de saúde, mantendo o diálogo com o Governo do Estado e Ministério da Saúde, obedecendo a ordem de prioridades e buscando, continuamente, uma saúde de melhor qualidade para nossa cidade”, afirmou o gestor.