Obras do Museu Histórico de Pedro Afonso são iniciadas

A Prefeitura de Pedro Afonso deu início na manhã desta quinta-feira, 19, as obras de reforma e revitalização do prédio onde será implantado o Museu Histórico de Pedro Afonso. 

A estrutura, doada pela União ao município, foi sede da extinta Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e do programa Pioneiros Mirins, estava abandonada desde a finalização das atividades do projeto, ocorrida em 2009, e nos últimos anos vinha servindo como ponto de comércio e uso de drogas ilícitas. 

Com o início da reforma do prédio, que será o principal ponto de referência da cultura e história de Pedro Afonso e da região centro-norte do estado do Tocantins, a gestão municipal busca valorizar a memória local. Ao todo a área do Museu Histórico de Pedro Afonso tem 926,05 m², onde serão investidos pelo Executivo Municipal R$ 141 mil na reforma e revitalização do espaço.  

Ao assinar a ordem de serviço para execução da obra, o prefeito Jairo Mariano frisou a relevância de se investir na cultura do município. “Criamos o Museu de Pedro Afonso e agora estamos dando início a reforma do seu prédio próprio. Isso é uma vitória para todos os pedro-afonsinos, um marco para a nossa história que foi construída durante todos esses anos”, destacou Jairo. 

O historiador Fabricio Rocha parabenizou a gestão pela dedicação em resgatar a história pedroafonsina. “Um dos prédios mais representativos da nossa arquitetura colonial, e consequentemente da nossa história, para abrigar definitivamente o Museu Histórico de Pedro Afonso, instituição que faz a salvaguarda do nosso patrimônio histórico, cultural e arqueológico, inclusive algumas de nossas peças de importância nacional e internacional”, completou.