Funcionários do Sisapa recebem capacitação

Medida atende a um pedido do Ministério Público no intuito de manter a qualidade da água distribuída no município   Os funcionários do Sistema de Saneamento de Pedro Afonso (Sisapa) receberam durante todo o dia de ontem (9) um treinamento destinado a manter e aprimorar a qualidade da água distribuída em Pedro Afonso. A capacitação foi ministrada pela empresa Commerce all, especialista nesse tipo de serviço, que atende mais de 300 municípios em todo o país, além de outras entidades governamentais, como a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).   “Nossa empresa é especialista na qualidade de água para consumo humano e também para piscicultura, atuando em todo o Brasil e até no exterior. Nós viemos a Pedro Afonso a pedido do Sisapa, que busca melhorar todo o processo. A análise que realizamos indica que a água fornecida em Pedro Afonso é de qualidade, então o nosso curso procurou equalizar as quantidades e dosagens utilizadas, bem como o uso adequado dos equipamentos”, explica Rogério Melo, representante da empresa.   Segundo ele, a capacitação buscou em primeiro lugar destacar e valorizar os profissionais que atuam com a água no município, e num segundo momento abordou a análise físico-química da água, conscientizando quanto a importância de se realizar um tratamento adequado da água para a saúde da população. No total, 16 pessoas passaram pelo treinamento da empresa, ministrado em dois turnos, com a entrega dos respectivos certificados na manhã desta quarta-feira (10).   O diretor-presidente do Sisapa, Arnaldo Lukach, destacou que o curso faz parte da busca de excelência operacional e atende a um pedido do Ministério Público, que busca preservar a qualidade da água distribuída em Pedro Afonso. “Esse treinamento capacitou os profissionais quanto os aspectos físico-químicos da água, nos deixando muito satisfeitos com o resultado. Faz parte de um pedido do MP, para que mantenhamos a qualidade do serviço, e até o final do ano será realizado um outro curso, operacional em si, com foco na filtragem, armazenamento e distribuição da água”,  destacou Lukach.