Audiência definiu rumos do trânsito em Pedro Afonso

Avenida João Damasceno de Sá e rua Numeriano Bezerra de Castro terão tráfego em sentido único   Na noite da última sexta-feira (20) a Prefeitura de Pedro Afonso realizou uma audiência pública para discutir a situação do trânsito no município. A audiência aconteceu no auditório da prefeitura, sendo presidida pelo prefeito Jairo Mariano (PDT), e contando com a presença de diversas autoridades do município, além de membros da comunidade. Na ocasião, discutiu-se a situação do trânsito da cidade, e as questões de interesse foram votadas pelas pessoas presentes, sendo decidido manter-se o tráfego da avenida João Damasceno de Sá como mão única, além de promover uma alteração na rua Numeriano Bezerra de Castro, que também passará a ter trânsito em sentido único.   Para o prefeito Jairo Mariano, a audiência foi  positiva. “Foi um evento altamente positivo no qual se fizeram presentes as pessoas interessadas em algum tipo de mudança dentro do nosso trânsito. Tínhamos uma polêmica em torno da avenida João Damasceno de Sá, que foi sanada a partir de hoje, com ela permanecendo em sentido único. Mas isso não é um processo estático, outras gestões virão, com a obrigação de promover novas mudanças, sempre de modo a deixar o trânsito mais seguro e mais organizado”, avaliou Mariano.   O capitão Valdemir Silva Reis, sub-comandante do 3° Batalhão de Polícia Militar, também considerou o encontro proveitoso, elogiando as decisões que foram tomadas pelo público presente. “As audiências são a forma mais democrática de tomar esse tipo de decisão, e ficamos satisfeitos com os resultados, pois não considerávamos adequado retornar a João Damasceno para mão dupla, uma vez que o índice de acidentes diminuiu. E além disso, a Numeriano também passará a ter sentido único, o que contribuirá para melhorar o fluxo de pessoas e veículos naquela região, uma vez que é uma via bastante movimentada”, destacou.   A opinião do capitão é compartilhada pelo secretário municipal de Planejamento e Modernização da Gestão, Fernando Moraes, que afirma que com as decisões tomadas na audiência, o trânsito ficará melhor para a comunidade. “A mão dupla nessas vias é um malefício que a comunidade não suporta mais, e por isso acredito que as decisões foram corretas. Nós ficamos satisfeitíssimos com a audiência, com as pessoas que compareceram votando em prol do ordenamento e da segurança de todos, respeitando o processo democrático”, disse Moraes.